A hospedagem de sites como registradora de domínio não é uma boa prática.

1 – Pode trazer problemas, alguns irremediáveis.

2 – Saiba o que pode acontecer com seu site e com seu “domínio grátis”.

Vamos começar com algumas definições simplificadas.

Hospedagem de sites

Uma hospedagem de sites é a empresa que aluga um espaço no “disco rígido” do servidor dela para seu site.

O Registrador de Domínio é a empresa que cuida do seu nome de domínio para você, garantindo que ele seja renovado e esteja seguro.

No registrador você configura os servidores de nomes de domínio (DNS) para seu domínio.

O DNS identifica qual hospedagem de sites o seu domínio usa.

Se você decidir trocar de hospedagem no futuro, simplesmente altere o DNS para aquele que o seu novo host fornece.

Domínio do website

A primeira coisa que devemos fazer é registrar o domínio do seu site.

O domínio do site é o endereço do seu site na Internet. Google.com é o domínio do site do mecanismo de pesquisa mais acessado no mundo.

Www.seusite.com.br é o domínio que vai representar o seu website

Você precisará comprar o seu domínio para poder criar o seu site.

Normalmente, um nome de domínio custa cerca de R$ 40,00 por ano no site registro.br, considero o mais importante no Brasil para os domínios de websites terminados com “.com.br”.

Registro de domínio e hospedagem de sites

Existem várias empresas de  hospedagem que oferecem no primeiro ano um domínio gratuito  desde que você adquira um dos planos indicados por essas empresas com esse tipo de  oferta.

Porém, não se esqueça, quando vencer o primeiro ano do serviço de hospedagem, a sua empresa escolhida cobrará o custo da renovação do seu domínio para mantê-lo ativo.

Assim, o registrador pode ser a mesma empresa que você usa para hospedagem do seu site ou uma empresa diferente, como a registro.br.

Veremos os prós e os contras de ambas as opções mais adiante.

O Host

Como você já sabe, seu site precisa ser “hospedado” em um computador chamado servidor.

Os servidores estão conectados à Internet 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Chamamos as empresas que alugam espaço nesses servidores de hosts.

O trabalho de um host é garantir que seus servidores estejam ativos, funcionando e bem mantidos, o tempo todo.

Já que você deseja criar um site, você precisa contratar algum espaço em disco de um host, em um desses servidores, pagando uma taxa mensal.

Conforme mencionado anteriormente, alguns serviços de hospedagem de sites oferecem um nome de domínio gratuito no primeiro ano, já que você está pagando uma taxa mensal pela hospedagem.

Portanto, eles recebem o investimento de volta ao longo do tempo.

Para aproveitar a oferta de domínio gratuito, você precisará usar esse host como o registrador de seu domínio, o que eu não recomendo.

Portanto, os custos totais essenciais para administrar seu próprio site são:

1 – R$ 40,00 por ano para o nome de domínio.

2 – R$ 9,39 por mês para hospedagem na web. (Plano “P” de 3 anos na Hostgator)

Isso dá um total de cerca de R$ 152,68 por ano  no período de 3 anos. (Sem usar a oferta do domínio gratuito.)

Registrador e hospedagem de sites

Quando você contrata um host, geralmente ele oferece para ser o registrador de seu domínio.

A vantagem é que a fatura que você recebe é da mesma empresa, o que significa que você só precisa lidar com UMA empresa.

Porém, há desvantagens nesse arranjo, e muitas pessoas (inclusive eu) preferem manter a hospedagem e o registrador em empresas diferentes.

Primeiramente, devemos ficar atentos a alguns potenciais problemas: se por algum motivo o seu host decidir que seu site está causando problemas (ou seja, eles recebem reclamações de spam ou seu site está usando muitos recursos do sistema), eles podem derrubar seu site sem qualquer aviso.

O que acontece depois?

Se você usar uma hospedagem e registrador combinados, será mais ou menos assim:

1 – Seu site está fora do ar.

2 – Você contata o seu host e eles informam que receberam reclamações de spam sobre o seu domínio.

3 – Eles se recusam a colocar seu site no ar.

4 – Você precisa mover seu site para uma nova hospedagem, mas seu host atual é o registrador e pode dificultar isso.

5 – Seu site permanece inativo por um longo período enquanto você resolve as coisas e, eventualmente, muda o site para um novo host e registrador.

6 – Quando seu host é seu registrador, ele pode cobrar mais pela renovação anual de seu domínio do que um registrador de domínio dedicado.

Quanto tempo você acha que vai levar para resolver isso? Semanas ou meses.

Em contrapartida, vamos ver o que acontece se o seu registrador for separado do seu host.

1 – Seu site está fora do ar.

2 – Você entra em contato com o seu host e eles informam que receberam reclamações de spam do seu domínio.

3 – Eles se recusam a colocar seu site no ar.

4 – Você solicita hospedagem de uma empresa diferente e copia seu site para o novo host.

5 – Você faz login em sua conta de registro e muda os DNS dos servidores antigos para os DNS dos servidores da nova hospedagem.

Essa transferência é feita em pouquíssimo tempo.

E seu site está de volta em 24 horas ou menos, no novo host.

Este é o cenário que nos mostra como é importante o uso de uma hospedagem e registrador separados.

Outro cenário, que nem vale a pena pensar, é se sua empresa de hospedagem fecha as portas (isso acontece às vezes).

O que acontece com o seu site?

Bem, você provavelmente perderá. Você terá grandes problemas para recuperar o seu site se não conseguir acessar o DNS.

E se o seu nome de domínio estiver registrado nessa mesma empresa de hospedagem, nem sei o que pode ser feito. As vezes a sorte ajuda.

Contudo, se seu registrador e seu host forem duas empresas diferentes, você simplesmente transferirá seu site para uma nova hospedagem e fará a mudança dos servidores em seu registrador.

Com essa mudança, seu site ficaria fora do ar por algumas horas, até sua propagação. Que você pode acompanhar nesse endereço da web.

Outra situação que ouvi é quando uma empresa de hospedagem bloqueia você do seu painel de controle, por causa de uma disputa sobre algo.

Isso significa que você não pode mover o domínio para um novo host porque você deve ter acesso a esse painel de controle para fazer isso.

Consequentemente, seu domínio ficará inativo enquanto a disputa demorar para ser resolvida.

Um último alerta! Já ouvi histórias horríveis de pessoas que não conseguem transferir seu domínio de uma hospedagem ruim.

Pior ainda, o domínio que eles registraram na empresa de hospedagem não estava registrado em seu nome, mas no nome da empresa de hospedagem.

Por todos os motivos acima, quando você estiver pronto para comprar hospedagem, considere o host e o registrador separados, é o recomendado.

Se você deseja a opção de usar uma empresa só, um host e registrador combinados , que tenha a oferta de domínio grátis, tenha certeza de que o domínio vai estar registrado em seu nome.

 

error: Content is protected !!